terça-feira, 30 de março de 2010

"Carlas Manoelas", a novela da vida REAL!

Visitando o Salada Mista, vi lá que Elise indicava um blog chamado Carlas Manoelas, que trata de reinventar o boring folhetim de Viver a Vida. Entrei no link que lá estava no Salada e ADOREI! Vôticontá, eita povo criativo e divertido. E olha, se você não acompanha a novela (Oi, Nanda!), não se preocupe, porque como disse uma vez aqui, Manoel Carlos é sempre aquela mesma coisa: Helena + Leblon + pobre só a empregada e o porteiro + iate + helicóptero + José Mayer O pegador + luxo + café da manhã com pasta de queijo brie com damasco + Bossa Nova. Esqueci de alguma novid...........ZZZZZZZZ?????

Então, se você quer ver, enfim, uma reescritura daquela mesmice do Maneco e tudo com muito mais ziriguidum, se joga aqui no Carlas Manoelas.

Notícia velha

(Fonte: g1.globo.com)

Tudo bem que assumir publicamente é uma coisa, especulação é outra, mas alguns noticiários (Jornal Hoje, e aí, tudo bem?) darem a notícia como "revelação de um segredo" é querer ser sensacionalista demais com pouco babado.
Não está nem entre as mais lidas do G1.

É quase como publicar amanhã: "Bomba, bomba: BBB Fulana sai do confinamento e posa nua pra Playboy".

"Bomba, bomba" isso nem se usa mais... tsc tsc.

segunda-feira, 29 de março de 2010

Consequências de ter um animal de estimação (e alguns parafusos a menos)


Noitinha de ontem e tudo naquela tranquilidade
chatice de final de domingo. O irmão foi pra casa da namorada, pai e mãe na sala vendo tv e eu no quarto num misto de mestranda-dissertadora e artesã-de-mdf. Daí que tudo seguia na maior normalidade até que escuto:

- Théozinhooooo, cadê você??? Tá sumido! Vem com a mamãe.
- Papai, vem com o papai.
- Théooooooo, a mamãe tá chamando, vem cá.

Théo é assim: um sebinho em forma de cão que não dá as caras e a mínima para você se esgoelando chamando seu nome quando ele está recolhido em algum lugar da casa. Segue impassivo aos berros. Daí que, sempre que isso acontece, rola de falar as palavras-chave (tipo toma, rua, coleirinha...) que o mobilizam.

- Ah lá, filho, rimão.
- Olha a J. (namorada do irmão).
(lembre que o irmão tinha saído, ido justamente pra casa da namorada)

(pausa dramática)

- Ráaaaaaaaa, enganei o bobo na casca do ovo!!! (mãe cantando e pai acompanhando nas palmas).

=0

Quem não tem a família normal bota a mão pro alto e tira o pé, tira o pé, tira o pé do chão!

Minha família, mostrando sinais de pura sanidade desde que adquiriu um animal de estimação.

sexta-feira, 26 de março de 2010

Mimo vespertino

Vovó acaba de bater aqui - vovó mora do lado de casa - para me dar uma travessa de bolinhos de chuva fresquinhos feitos por ela. Quentinhos ainda.
Aiii, nada como este afago na alma do estômago para uma tarde de
disserteishon.

Patrícia
futura gorda de veias entupidas adora os bolinhos de chuva e os mimos da vovó! :)

O cara de Brasília

Olhando os sites de notícias hoje descobri que, se vivo fosse, Renato Russo faria 50 anos amanhã.
Eu conheci a Legião Urbana quando tinha uns 12 anos, uma amiga do colégio que me apresentou. Naquela época (que velhice falar isso) não existia essa coisa de buscar letra na internet, daí ela escrevia pra mim. Lembro até hoje das milhares (hiperbólica eu? cê acha?) de páginas de caderno que rendeu Faroeste Caboclo. Daí que hoje não só existe a internet, como podemos achar lá coisas geniais como esta aqui abaixo.


video

quinta-feira, 25 de março de 2010

SMS(s)

Hummm, evoluímos pro celular. Mt bom, chega de orkut né. Beijos

Ahhh, é verdade: evoluímos! Clap, clap, clap! Todo mundo evolui, menos o Botafogo! Bjs

Desta vez a senhorita está errada. Nem todo mundo evolui. Alguns deixam de ser imperador na Itália pra ser urubu na Chatuba. kkkk Mas adorei nossa evolução. E já to imaginando a próxima... ;) Bj

Olha, tenho que concordar, pq amarrar mulher em árvore foge ao meu conceito de evolução e civilização. Mas é um mancebo de mt imaginação, pelo que vejo! rsrs

Tá livre amanhã à noite, Paty? Quer sair comigo amanhã pra um chopp, cinema ou um baile funk na Chatuba (rsrs), o que vc preferir, tá a fim? Bjs

Então, daí que eu não daria a menor credibilidade pra uma pessoa que usa unhas azul piscina e que usa o termo mancebo em pleno século XXI. Mas ele deu.

E agora eu respondo que, sei lá, medo de que ele me amarre em uma árvore ou simplesmente que eu to com preguiça de dividir espaço na minha umbrella-ella-ella-ê-ê-ê????

quarta-feira, 24 de março de 2010

"Você é raio de saudade, meteoro da paixão"

Vocês não sabem como é divertido conviver comigo. E com meu irmão. Quando nenhum dos dois está de mau-humor.
Daí que ontem eu estava num sofá, ele no outro. Eu folheando o encarte das Lojas Americanas, quando me espanto com o preço do cd do Luan Santana.
Não sabe quem é Luan Santana? Parabéns, você tem critério musical. É um desses cantores teens - do sertanajo pop, especificamente- com um único sucesso que repete de hora em hora em rádios populares. Não queira saber como tomei conhecimento de Luan Santana. Enfim. Segue.

- Nossa, cd Luan Santana R$19,90. Meuodeuz, pagar tudo isso por uma música?!!! Deve ser como o cd? Faixa 1: Meteoro. E acabou?
- Não, Patrícia. Faixa 2: Meteoro remix.
- Ahhhh, claro. Faixa 3: Meteoro em ritmo de funk.
- Com participação de Mc. Serginho e Lacraia.
- Faixa 4: Meteoro rock, com participação do cover do Renato Russo.
- Faixa 5: Meteoro em homenagem aos Mamonas Assassinas, com direito a som de cuspida, arroto e peido.
- Faixa 6: Meteoro a la Jorge Vercilo.
- Nãoooo, Jorge Vercilo nãoooo. Repete a faixa 1 com o próprio Luan Santana que é melhor.
.
.
.
(seguem infinitas besteiras até que)
- E por último?
- Faixa bonus pour pourri com as anteriores.

Foi realmente engraçado o papo por conta de nossas interpretações. Não filmadas. Sorry.
Mas quer ter uma ideia?
Imagine faixa a faixa conhecendo a base aqui.

(ou é melhor nem imaginar!)

Cansaço do processo

Sabe quando Você está com preguiça das pessoas? Mais especificamente preguiça de conhecer pessoas (do tipo mulher X homem). E olha que anda aparecendo Gente. Gente que convida pra um chopp, Gente que nota seu sumiço e marca encontro, Gente que dá carona e adiciona no orkut e diz que não acessa e só tá fazendo pra lhe mandar mensagens e oferece o número do telefone pro "papo" continuar por outro meio mais interessante. E Você ainda nem chegou à conclusão sobre, Você nem sabe se ficou atraída, se quer que role: preguiça (até) de pensar. Mas isso também não é impedimento. Você responde, até interage, pois a história tá divertida. Mas, por enquanto, é só isso. Ué, era pra ser mais que isso? Não. Só que era pra Você estar, como de costume, saltitante com a história nova. E Você não está. E o ponto é: preguiça de desvendar pessoas, de ser simpática, de conquistar, de todo esse processo. Por isso Você até gosta dos convites, do chamado, Figura Repetida: é beijo e abraço e mais o que Você quiser sem esforço. Afinal, todo o processo já foi há tempos.
Aliás, não é nada pessoal com nenhum Gente. A preguiça e a falta de conclusão sobre Gente(s) é geral. Não é pôr barreira, não é não se permitir, é só não estar saltitante para isso. Só isso.
Apesar dessa doideira disso tudo, Você tem (co)respondido. Por enquanto, é isso.
Por enquanto.

segunda-feira, 22 de março de 2010

Sobre unanimidades. Ou não.

Antigamente eu achava que existia todo tipo de gente, menos gente que não gostasse de chocolate, sorvete ou batata-frita - considerados, por mim, as unanimidades em termos gastronômicos.
Daí que, mais ou menos aos 12 anos, descobri que uma das minhas melhores amigas não considerava a Páscoa a data mais feliz que há porque não gostava de chocolate. Primeiro grande golpe de realidade na minha vida. Com o passar do tempo, conheci outras pessoas que não gostavam da iguaria a base de cacau. Me recuperei.
Mais tarde, já com meus 21, me deparei com uma nova amiga que não gostava de sorvete. E assim foram brotando outras criaturas no meu círculo de conhecimento que também não gostavam de helado. Outro golpe, outra lenta recuperação.
E... o que falta? Heim? Heim? (sobrancelhas mexendo)
A batata-frita!
Não, dessa vez não teria golpe nenhum porque não há cerumano que não goste de batata-frita.
Dia desses, estou dando aula sobre comida quando a aluna fala: "No me gustan las papas fritas".

"¿¿¿¿¿¿¿ Cómo???????"

"No me gustan las papas fritas".

Tragam uma caixa de Rivotril, por favor!


sexta-feira, 19 de março de 2010

(Ainda sobre) Esmaltes e homens

Sexta passada. Outback. Aniversário de uma amiga. Ficou mirabolando me juntar a um macebo que lá estava. Descolou que ele me levasse.

A caminho do carro:

-Nossa, você deve ser um cara legal.
- (cara de interrogação)
- Dar carona pra uma mulher que usa azul piscina nas mãos mostra que você é um cara legal! Eu não daria. Sei lá, coisa estranha.
*risos*

Segue parte do e-mail que a amiga-cupida recebeu:

Ó, ainda não falei com a menina das unhas azuis não, hein (ela falou pra eu tomar cuidado com mulheres que pintam a unha de azul. rsrsrsrs)

Como assim "azul"??? Só "azul"??? É azul PISCINA!!! E isso faz toda a diferença, oh:


Pelo visto vai rolar um encontrinho. Vou com o Azul Royal abaixo.
"Vamos lá, repete comigo: azul piscina, azul royal, azul turquesa, azul bebê..."

Cuidado em dobro com mulheres de Azul Royal!

*************************************************
A quem interessar possa:
Esse é o 205 da Hits Speciallità.
Nunca tinha pintado com essa marca e fiquei temerosa. Na primeira camada meu coração palpitou... ralinho, ralinho. Mas logo na segunda, para minha surpresa, ele ficou desse jeitinho aí: bem encorpado.
Ahhh, e esta foto é de exatamente 1 semana e 1 dia depois de eu ter pintado. Durabilidade, teu nome é Hits Speciallità. Adorei!
E pra quem não os encontra, há um site da marca onde eles VENDEM OS PRODUTOS. Amighammm, se joga aqui!

O outono vem chegando e com ele...


Daí que minhas unhas circularam saltitantes e felizes o verão inteiro de neon. Big Universo, te dedico!
Mas já que semana passada e essa foram meio chuvosas, resolvi comprar novos esmaltes para a minha coleção oi???? pro outono-inverno.


Azul Royal da Big Universo, 378 da Hits Speciallità, New York e Arábia da Risqué e Audrey da Impala
(todos variando entre R$1,60 e R$2,00. Porque eu não tenho $$ para andar por aí de Channel nas unhas - nem em outras partes do corpo)

Os dois primeiros são um azul-escuro-marinho bem parecidos (fiquei em dúvida na loja de qual gostei mais, trouxe os dois), mas o primeiro tem uma vibe mais caneta Bic. Ambos lindos em suas diferenças.
O New York é o cinza-chumbo que pedi a Deus. Perfeito para aquele invernão que a gente não tem aqui no Rio, mas que qualquer 22ºC já estarei usando.
O Arábia eu comprei porque cinza nas unhas é um dos hits da nova estação, mas to em dúvida achando que na minha mão bem branca ficará uma coisa meio cadáver.
Já Audrey ganhou o espacinho dos esmaltes top do meu coração! É um roxinho-lilás bem outono - chique, sabe - que fica lindo nas unhas. Audrey é luxo, glamour, requinte, elegância!

Sim gente, eu sou da opinião que o esmalte deve ornar com o clima e até com a roupa, se possível. Questão de harmonia, saca?
E vocês, o que acham? "Preparadas" pro outono-inverno?

quinta-feira, 18 de março de 2010

Eu deveria ficar calada...

mas como sou desavergonhada vou contar!

Ontem eu deveria ter entrado aqui e falado de Saint Patrick's Day, do fato de a Nanda estar na Irlanda comemorando isso de perto ou até mesmo lamentar que não marquei um pub com ninguém.
Mas não entrei aqui. Não porque não quis, mas porque não pude. O blogger simplesmente não abria!
Tanto Firefox como Explorer acusavam "conexão não confiável".
Problemas no blogger? Não, outras pessoas estavam postando normalmente.
Problemas com o meu blog? Não, fiz um teste e acessei normalmente em outro computador.
Exu Tranca Páginas? Pula essa possibilidade.
Problemas com meu computador? Era o que sobrava.
Oh céus, oh vida!
E agora, quem poderá me defender????
Super Irmão Todo Computacional, ativar!
Mas depender do meu irmão é uma coisa gostosa como fila de banco.
É o que dá ser uma porta nestes assuntos... era depender e rezar!
Alah, Alah, Alah, meu bom Alah!

Até que ele estava imbuído de paciência e ontem mesmo se compadeceu da minha cara de pedinte no sinal.
Cinco minutos depois de sentar na cadeira do computador, levanta e diz: "Tenta agora".

Milagre!!!!!!!!!
Miracle!!!!!!!!!
Milagro!!!!!!!!!

Depois de pouco fuçar, ele teve um estalo e viu que era apenas um desajuste no dia e mês do pc.

Coisa mais besta! Ok.
Mas eu nunca chegaria a isso sozinha. Sendo assim, passei o resto da noite dizendo:
Meu amo e senhor, diga o que queres, fá-lo-ei!

E ele rindo e dizendo que eu era doida.

terça-feira, 16 de março de 2010

O outro lado da moeda

Agora o lado do Flamengo da história...
Uma coisa que me chamou atenção no clássico foram os dizeres que estavam na camisa de Adriano, mostrada na comemoração de seu gol:


Sinceramente, eu to pouco me fudendo se ele vai à baile funk no morro, se ele e a namorada quebram pau lá, se ela destrói o carro dele e dos amigos, se ele a amarra numa árvore - civilização? beijomeapresenta - e o que a imprensa vai falar disso depois. Só que isso tudo gerou essa frase aí. Olha, esse "pessoas ruins" não rolou pra mim. Achei a frase toda de uma pobreza. Por isso, pegando carona ainda com o povo do Bola nas Costas, peço que você dê sua sugestão de frase!

Vendo Fusca 66 em ótimo estado. Único dono.

"Quem nunca caiu na mão com uma mulher?". Bruno, meu ídolo!

Aonde que eu fui amarrar minha burra?

Dodô, tenta de novo?!

Escola Edmundo de Cobrança de Pênaltis


Como boa rubronegra que sou, eu deveria ter comentado do clássico Flamengo X Vasco do final de semana. Não falei, falo agora. Eu nem tenho muito o que dizer porque, desde então, ainda não cheguei à conclusão se fiquei mais feliz com a vitória (magra) de 1 X 0 ou se o que me deixou feliz mesmo foi o fato de Dodô - artilheiro da colina cof... cof - ter perdido dois pênaltis na mesma partida contra o maior rival.
É muita felicidade para um domingo chuvoso, sem luz, escutando o jogo no sofrimento do "tomara que a bateria do celular aguente e não acabe!".

E, como boa amante de futebol que sou, estava bordejando por sites do gênero quando me deparo com isso:

Dodô e Bola nas Costas, garantias de uma semana feliz!

segunda-feira, 15 de março de 2010

Parabéns em dobro

Primeiramente, um bom dia a todos aqueles que dependem da Light e da Ampla, pagam pelo serviço e esperam 17 horas pelo retorno da luz elétrica. Light, amor verdadeiro, amor eterno!

**********************************************

Hoje é dia de festinha dupla: Vovó e Théo cumplen años!
Vovó tem que comemorar muito! Já que final de 2008/início de 2009 viu São Pedro duas vezes, que não abriu as portas do céu para ela com a seguinte justificativa: "Dona H., negativo, acesso negado. A senhora permanecerá no plano terrestre, pois ainda tem muito cachorro-quente de forno para fazer para seus entes queridos".
Já o segundo (abaixo), depois que chegou todo ensopado de seu último passeio, pois foi pego de surpresa por um temporal, quer uma capa de chuva de presente, pra que sua mãe, seu pai e seus irmãos não tenham mais desculpas para não levá-lo à rua em dias chuvosos.

Theodoro José usa boné! =D

sexta-feira, 12 de março de 2010

Vivendo a vida chocada

Diálogo entre Jorge (arquiteto.filhinho.de.papai) e Mirna (prostituta.de.alta.classe.que.anda.saindo.com.Jorge) ontem, em Viver a Vida, quando ele a levou pra conhecer a casa onde ele vive com os pais (que sabem de sua profissão):

Mirna: Uau! Deve ser muito bom ter um quarto assim só pra gente, com as coisas que a gente gosta, sem precisar dividir com ninguém.

Jorge: Que bom que você gostou! Eu achei que você morasse sozinha... não mora não?

Mirna: Não, não. Eu morava, mas era na Tijuca, ficava muito longe do trabalho e também muito ruim pra ir embora sozinha à noite, né? Aí agora eu moro em Ipanema, dividindo as despesas com mais duas colegas.

Jorge: Você sabe que eu admiro gente como você, né? Gente batalhadora que não desiste nunca.

Mirna: E eu posso desistir? Eu que saí da casa dos meus pais onde eu tinha tudo! Agora eu tenho que me bancar, né?! Não tem volta.

Gente, juro que não quero ser preconceituosa, a personagem representa as muitas mulheres que dão a pepeca pra ganhar a vida, e eu sou da turma do cada um com seu cada um. (Ainda que, na minha terra, quando não há opções, batalhar seja fazer uma faxina, ser empregada doméstica, pegar numa enxada... - sem trocadilhos, dessa vez).

Mas assim, alguém me explica a relação saí da casa dos meus pais onde tinha TUDO X admiro gente batalhadora como você X levá-la para conhecer a casa dos pais X Manoel Carlos gagá.

Porque assim, eu até pensei nas milhares de mulheres (algumas artitas, famosas) que estão aí nos books em halls de hotéis de alto luxo da vida, que fazem faculdade, são bem nascidas, tem toda uma boa condição na casa dos pais (Bruna Surfistinha manda lembranças) e, mesmo assim, fazem programas por puro materialismo, única e exclusivamente para conseguir os bens materiais que querem mais rápido, já que são lindas e os programas são uma fortuna. Batalham muito, heim! Vida duríssima!
É por precisão? Não né. Mas, ainda assim, cada um com seu cada um.

Mas, mesmo assim, alguém me explica esse texto da novela todo trabalhado na admiração????

quarta-feira, 10 de março de 2010

Eu na fila...

... e ele na minha frente falando ao celular. Conversa tensa. Impossível não ouvir o lado possível de se ouvir (óbvio) da discussão. Pela proximidade mesmo.

Você não fala assim comigo. Nem desliga na minha cara. Já disse: não fala palavrão! É assim que você me trata, é? Eu aqui todo mal, com febre e tudo, e você falando assim. Ahhh, ainda faz descaso, desdenha... Tá desdenhando? Ah, bom. Então diz que me adora! Diz que é apaixonada por mim!!! (...)

E eu???

1) Bom, a essa altura eu já tava quase dando um tapinha nas costas dele pra dizer: "Procura no Google onde tem um PBE&PEA mais próximo" (Tecla Sap: Pessoas com Baixa Estima & Problemas Emocionais Anônimos).
2) Já tava pensando que seria perfeito Pitty de plano de fundo: "que você me adora, que me acha foda, não espere eu ir embora pra perceber".
3) Estava neste fluxo de pensamento todo quando, de repente, ele foi embora! Abandonou a fila! Ainda ao celular.
4) E eu? Bom, a essa altura eu fiquei sem saber como foi o desfecho da ligação, mas só conseguia focar em: "ainda bem, menos um!"

segunda-feira, 8 de março de 2010

Oscar e (A) mulher


Olha, eu não entendo nada versus coisa nenhuma de Oscar, sou uma mera espectadora, além de que eu nem vejo tanto filme nem vou tanto ao cinema assim. Nem vi Avatar, pra se ter uma ideia. Sou uma leiga, dando pitacos.
Só sei que gostei de Kathryn Bigelow ter ganho o Oscar de melhor direção. Pela primeira vez em toda a história da premiação uma mulher foi a vencedora nesta categoria. Justo no Dia Internacional da Mulher (Sim, porque, na hora do anúncio, lá pelas 2 da manhã, já era dia 8 de março, pelo menos aqui). Coincidência bacana, heim!
Para arrematar, seu filme ainda foi o grande vencedor da noite. Guerra ao terror bateu o hiperbólico Avatar. Não vi nenhum dos dois. Não tenho o menor embasamento para fazer uma crítica construtiva ou desconstrutiva, nem mesmo para dar uma opinião com conhecimento de causa. Mas SÓ sei que gostei do fato de um filme de 11 milhões de dólares - valor modesto em termos hollywoodianos - ter superado um colossal de 500 milhões. A forma ficou com a maior bilheteria e o conteúdo com a estatueta de ouro. Justo.
Parabéns a Kathryn Bigelow (e toda sua equipe) e a todas as mulheres guerreiras (sim, é um trocadilho) neste 8 de março!


Se chargista fosse, desenharia James Cameron avatarizado afundando no astronômico Titanic, após ter batido num iceberg (e se possível inseriria aí, de alguma forma, Kathryn fazendo uma banana pro ex-marido. Rá).
And the Oscar goes to................. Patrícia! =P

Noites de um verão qualquer...

- É fazer visitinha à amiga "quase" recém casada. O "quase" fica por conta de eu e o padrinho termos feito a primeira visita a nossos afilhados, que casaram em maio do ano passado, nesta semana. Padrinhos zelosos, não?! É se perder em um quarteirão e dar 4 voltas nele antes de achar O prédio. É levar de presente chocolatinho de pimenta escrito "sexy" na embalagem, é colocar o papo em dia, é relembrar histórias que serão contadas para os netos e contar outras que... nem tanto, como o relato do padrinho sobre o dia em que foi a uma casa de swing. É rir sem hora pra acabar, regados a prosecco.

- É sair de casa com As Meninas 00:17h e rodar, rodar e rodar com o carro até resolver parar num bar que agradasse. É estacionar o carro, caminhar até o bar e perceber uma vibe festa estranha com gente esquisita, mas, ali mesmo na calçada, bater papo em espanhol com iranianos (?!). É voltar pro carro, rodar, rodar e rodar até terminar em pizza, literalmente. Pizzaria Guanabara sempre salva! Ainda bem!

- É sair com o grupo de ex-alunas que tem idades para ser sua mãe, mas são suas amigas. É tomar chopp, jogar conversa fora, contar e ouvir histórias, rir bastante, ouvir conselhos e esperar o temporal estiar.

Adoro noites de um verão qualquer!

sexta-feira, 5 de março de 2010

Dica amighammm

Do Jornal EXTRA:

Simpatia para levantar seios caídos

Assim que acordar, em jejum e sem falar com ninguém, abra a janela do seu quarto, olhe na direção do sol, levante os braços, bata palma três vezes e diga: "Rei Sol que a todos anima, dê forças aos meus seios e bote-os para cima". Faça a simpatia durante 21 dias nas luas nova, crescente e cheia.

Anotaram???

(notem que a lua minguante ficou de fora. Vilã!)

Maturidade

Ontem minha mãe chegou com uns mimos como iogurte Ninho Solei. Super adulto, gente. E você? Como vai seu intestino? #patricia.travassos.trabalhada.no.activia
Daí que eu e meu irmão tiramos no par ou ímpar quem iria ficar com o de salada de frutas.
Super-super adulto.

Porque, enquanto irmãos, a nossa idade mental é de 6 anos.

quinta-feira, 4 de março de 2010

Fino trato

Acho simpático quando minha mãe duvida de alguma coisa e conclui seu discurso com "dou o cu pros cachorros caso (não) aconteça". Porque, assim, é de uma finesse ímpar!

(antes que alguma alma sebosa pergunte o final da história, a resposta é não. Óbvio!)

quarta-feira, 3 de março de 2010

Question

Não é por inveja, dor de cotovelo ou pela vontade de esmurrar o casal de namorados que se beijar na próxima sessão de cinema que eu for. Nada disso. Mágina.

Por pura curiosidade mesmo:

Contar DIAS de namoro é ou não é cafona???

(assim, acho essa coisa conta-gotas até meio mau-agouro, sabe? enfim)

Nada de apoio amiguístico!
Opiniões sinceras, ok?

A casa agradece!

UPDATE

Uma coisa precisa ficar CLARA: gente, comemorar mês de namoro (no 1º ano, né), anos de namoro, ok, eu acho super normal. O que eu acho cafona é comemorar DIAS. Tipo, realiza: Scrap de hoje "lindoo, 8 dias!!!", scrap de amanhã "9 dias fofucho!!", scrap de depois de amanhã "10 dias more, owmmm!!! Parabéns pra gente!!!". (mentira, no 10º dia o namoro acaba. =0 Patrícia, pura maldade! hihihi)
Cafona ou não?

=) & =S

Blog de carinha nova!

Masssss, como nada é perfeito muito menos fácil pra mim, não to conseguindo mudar a cor do texto. Tudo bem que sou meio porta pra essas coisas de configurações.
Mas po, o blogger é fácil de mexer.
E assim, pra quem conhece o mecanismo, se eu vou em "layout" > "fontes e cores", eu consigo mudar TUDO! Mudo a cor dos títulos, mudo a cor dos links, assim, seleciono e TODOS são modificados num click só, como num passe de mágica!
Maaaaaaaassss, com a cor do texto não. Eu mudo a desgraçada, salvo e................ nada acontece! Continua tudo verdinho-água, verdinho-água.
Os que já estão em preto, eu mudei um por um! Tem noção?
Tenho tempo/paciência pra isso não!

E agora??? Quem poderá me defender???

terça-feira, 2 de março de 2010

Compaixão

Televisão. Futebol. Último amistoso antes da Copa do Mundo. Brasil X Irlanda. 2 X 0. Vozes dizendo que o Brasil jogou mal, que perdeu muitos gols, que 2 foi pouco.
Cara, o adversário é a Irlanda, ok?! Que não participará da Copa por conta daquela mão ordinária do Henry e do estrabismo/má fé do juiz.

Chega, né.
Tá de bom tamanho pra eles.

Leia o post anterior primeiro ou Força aê, amiga! [2]


Minutos depois, amiga Risadinha diz:


- Ah, uma coisa me chamou a atenção. O último scrap era algo como "8 dias de namoro".

- Na boa, sem inveja nenhuma, digo: tão cafona isso, não?!

- É, também achei. (...) Ela é igual a você. Ele arrumou uma outra "você", só que morena.

Pausa dramática: Nossa, to super consolada com esta informação. Agora eu é que "pareço feliz". Sendo assim, a trilha sonora aqui passe de "Por que não eu?" para "Por que não eu, então, caralho?".

- Em que sentido "igual a mim?"

- Ah, percebi que ela adora futebol, é engraçada, gosta de sacanear. Mas você faz isso mais inteligentemente. Suas piadas são menos óbvias. Você é muito mais sagaz!

Porque né, uma hora o lado amiga-parceira da Risadinha tinha que se manifestar!

Força aê, amiga!

Daí que amiga Risadinha começa o turno conversacional assim:

- Aiii amiga, fiz uma coisa, tenho que te contar, mas você não vai gostar.

MEDO né. Mas eu sou mais curiosa que medrosa, então:

- Manda!

- Entrei no orkut do seu bofe-namorandinho. Fui ver quem era a escolhida. Vi os scraps. Parecem felizes.

Porque né, eu tenho uma super amiga parceira que super me faz esquecer o bofe-namorandinho me chamando pra curtir uma night e encher os cornos para abstrair. Perceberam, né?!

Unfollow


Diferentemente do BBB, dia de eliminação dos emparedados nas terras de cá ocorreu ontem, segunda-feira.

Seguindo a máxima "quem não me acrescenta, não me faz falta", fiz a limpa na minha lista-amiga do orkut, como manifestado no post abaixo.
Sem pensar muito, para não ponderar nada!
Eliminei a ex-companheira de trabalho com prazer. Logo ontem, que acabei encontrando com ela sem querer. Coincidência dos infernos ou mensagem subliminar divina? Vai saber.
Os terceiros e os demais também caíram fora, com direito a uma revisada hoje pra ver se não faltou (sobrou) ninguém.

E aí chegou a vez dele, o bofe-namorandinho.
"Tem certeza que deseja remover esta pessoa de sua lista?"
Não, não tenho certeza. Dói. Corta o coração. Mas é pro meu bem.
Respirei fundo. Coragem. OK, apertei!

Repita o mantra "é pro meu bem" 7X a cada meia hora.

segunda-feira, 1 de março de 2010

Varredura


Decidi que meu orkut entrará no ritmo do "agora todo mundo na dancinha da vassoura" (Anderson Molejo manda lembranças).

Varredura geral.
Percebi outro dia o quão algumas pessoas que estão na minha lista me irritam e o quão (mais ainda) elas precisam ser limadas.
O primeiro da lista é o bofe-que-tá-namorando. Prefiro me poupar de atualizações do próprio com fotos de mãozinha dada, fora que meu plano (Chapolim Colorado manda lembranças) é sumir das vistas dele, bem no clima "vai ser feliz e me esquece".
A segunda da lista é uma ex-companheira de trabalho pé-no-saco-que-eu-não-tenho. Carai, vocês não tem noção! Eu não tenho A MENOR intimidade com a persona e ela cisma que é minha amiga de infância nos scraps (semanais!!).
Em tempo: uma vez, quando ainda trabalhávamos no mesmo local, eu lamentei que estava sem internet. Dois dias passado isso, entrei no meu orkut. Nisto, a dita cuja (meu pai manda lembranças) me manda o seguinte scrap: "ué, vc não estava sem computador". Oi????????? Indignação!!! Sem classe, respondi: "ué, só existe computador na minha casa?".
Merece ou não merece ser banida, Silvio?!
Os terceiros da lista são os seca-pimenteira, aqueles que poderiam ser mera samambaias na sua lista, mas não são. Porque alguns dessa categoria são apenas mais um número, não afetam, mas têm outros que não, que você também não tem a menor intimidade, mas fazem questão de ser desagradáveis vez em quando.
Os demais são os que eu não quero mais que tenham acesso à minha vida virtual, minhas fotos, pronto, acabou. Chega de exposição desnecessária pra pessoas desnecessárias.

"Vou varrendo, vou varrendo, vou varrendo, vou varrendo"

Beijonãomeadd pra todos os vampiros virtuais!